Saiba como se proteger de golpes e fraudes utilizando o PIX

 O Pix chegou ao mercado há 3 meses e já tem gente se aproveitando do assunto para aplicar golpes online. Por isso, trouxemos algumas dicas para te ajudar a identificar fraudes usando o novo meio de pagamentos.

Uma forma de se proteger de golpes cibernéticos envolvendo o Pix, é garantir que o cadastro das suas chaves seja feito apenas pelos canais oficiais de sua instituição financeira (como o aplicativo instalado em seu celular). Nunca clique em links enviados por terceiros.

Dica: Somente cadastre sua chave Pix no aplicativo do seu banco e nunca em links enviados pelo Whatsapp, e-mail ou sms.

Nunca clique em links enviados por terceiros.

Como funcionam os golpes do Pix? Confira algumas das ferramentas usada por criminosos para roubar o seu Pix e dar o golpe.

Pishing

Os golpes mais comuns envolvendo o Pix utilizam a técnica de phishing: os criminosos compartilham mensagens se passando por instituições financeiras e solicitam que os usuários registrem suas chaves no Pix por meio de sites falsos.

Facebook ou outros sites de mensagens instantâneas

O criminoso desenvolve perfil falso da instituição financeira ou como representante dela, e assim, dar o golpe. Envia mensagens oferecendo ajuda, respondendo mensagens e comentários e sempre deixando o link para o acesso da vítima. Outrora, costumam pedir informações pessoais como documentos e dados bancários, nos casos mais ousados.

Dica: Nunca trate de informações bancárias nem cadastre o PIX, nem forneça informações pessoais e bancárias em aplicativos de mensagens instantâneas e no facebook.

WhatsApp

Por ser uma ferramenta popular, o WhatsApp se tornou o mais utilizados por fraudadores. O criminoso, após clonar a conta de um usuário, se passa pela vítima e solicita o depósito de valores aos contatos. Além do WhatsApp, essas mensagens fraudulentas podem chegar ao usuário de várias maneiras: e-mail, mensagens em redes sociais e até SMS.

Outa forma utilizada pelos criminosos é o contato direto se passando por representante da instituição financeira. Ou mesmo se passando pela instituição e enviando mensagens com link contaminados com vírus, ou que redireciona a formulários de sites falsos e clonados. Com isso realiza a captação das informações bancárias e pessoais da vítima. Outra forma, é a cobrança de taxas ou pagamento antecipado.

Dica: O Pix é gratuito, nunca pague valores para realizar cadastro do Pix, nunca pague quaisquer valores para pedir empréstimos nem realizar transações financeiras suspeitas.

Chamadas e promoções absurdas

Recentemente surgiram vídeos e mensagens sobre um suposto erro do Pix que permitiria receber dinheiro em dobro na conta usando transferências com chave aleatória. Essa é mais uma maneira de fazer usuários transferirem dinheiro para a conta de criminosos.

Dica: Não caia em golpes, procure sempre uma pessoa mais informada ou, com dúvidas, procure um Advogado para orientações ou mesmo o Procon. Se for o caso, ligue para o seu banco.

Como evitar cair em golpes?

1. Nunca instale programas ou aplicativos para cadastrar PIX.  Toda atualização é feita diretamente na loja de aplicativos do Banco no seu celular;

2. Ignore links e mensagens pedindo informações da conta (senha, número, código do cartão etc.) e chaves Pix;

3. O Banco não liga ou enviar e-mail e SMS solicitando seus dados pessoais;

4. Não acesse sua conta utilizando computadores ou wi-fi públicos;

5. Entre em contato com o seu Banco;

Está precisando de auxílio jurídico para o seu caso, entre em contato conosco pelos nossos canais.

smr.jur@gmail.com  smradvogados.com.br  sinvalrodrigues.com.br

Com informações do Banco BS2.

Com modificações.